Siga e compartilhe

Fome noturna, o que fazer para evitar



fome-a-noite

Você é daquelas pessoas que chega em casa, morta de fome e não sossega enquanto não devorar um saco de batatas fritas ou biscoitos? Tem dúvidas se comer à noite realmente engorda ou não? Bom, a resposta é sim e não. Do ponto de vista metabólico, a resposta é não, pois 1 caloria é 1 caloria, independentemente da hora que é consumida.

No entanto, comer à noite pode ser um problema para muitas pessoas, não por causa da maneira que o alimento é metabolizado, e sim devido à quantidade, já que muitas pessoas abusam das calorias à noite. Além disso, no período noturno, a tendência é gastarmos menos energia, o que fará com que as calorias em excesso se transformem em gordura, que serão depositadas na barriga e culotes.

Nada de jejum, nem de pular refeições

Ficar em jejum ou pular refeições durante o dia, pode fazer com que a gente se exceda à noite, levando à compulsão alimentar noturna. Em geral, as pessoas que espalham as suas refeições ao longo do dia parecem mais capazes de controlar a alimentação, menos propensos a sentir fome e a comer demais.

Então, desta maneira é importante comer várias refeições ao longo do dia, com direito a café da manhã, almoço, jantar e lanchinhos entre as refeições, para evitar a compulsão alimentar a noite e assim garantir calorias a menos. Outra dica é procurar ocupar seu tempo no período da noite.

Ocupe seu tempo com outras atividades

Aproveite para relaxar, ver televisão e desanuviar do stress do dia. Ou então planeje atividades para fazer todas as noites, desde que não tenha comida como parte da atividade, como passear com o cão, ligar para um amigo, fazer algum trabalho manual como costura, tricô, etc, jogar basquete, vôlei ou futebol, ler um livro ou revista ou fazer exercícios relaxantes como ioga ou tai chi.

Se você ainda não tem certeza se a fome que sente durante a noite se trata mesmo da fome noturna e que ela pode atrapalhar o seu emagrecimento, dê uma olhada nessas questões abaixo. Se a resposta for sim para todas, então é preciso rever seus conceitos e tentar mudar um pouco seus hábitos e rotinas.

Tenho fome noturna se:

* Mais de um terço de suas refeições e lanches são consumidos após às 5 da tarde.
* Mais de um terço do seu total de calorias são consumidas após às 5 da tarde.
* Come sempre à noite fazendo outra atividade, como assistir TV, etc.

Comer demais a noite atrapalha o metabolismo e o sono

Pessoas que comem demais à noite, possuem mais tendência em ter problemas de indigestão e de sono. Isso é comprovado em muitos estudos que indicam uma forte ligação entre a obesidade e a falta de qualidade do sono, além de problemas digestivos. As estatísticas mostram que indivíduos com sobrepeso dormem cerca de 2 horas a menos por semana do que as pessoas de peso normal.

Um sono de qualidade, além de nos ajudar a repor as energias, também atua como um regulador de dois hormônios que causam efeitos nocivos sobre o apetite, quando estão em desequilíbrio: A leptina e a grelina. A Leptina ajuda a suprimir a ingestão de alimentos e estimula o gasto de energia, enquanto a grelina estimula o apetite, o crescimento e a queima de gordura corporal.

Quando privamos o sono, o resultado é um aumento drástico na fome, especialmente por alimentos processados e ricos em calorias e carboidratos como doces, bolos, salgadinhos e biscoitos. Por isso é importante termos um sono de qualidade, que em geral é entre 7 a 8 horas de sono por dia.

Dicas para se livrar da fome noturna

* Coma 3 refeições principais diárias, além de 2 lanches, um de manhã e outro à tarde, com intervalos de 3 horas cada refeição ou lanche. Não esqueça de fazer um bom planejamento de calorias, para evitar excessos.
* Procure evitar comer algo após às 19:00. Se a fome bater, procure por lanches leves e saudáveis, chás ou bebidas de baixo teor calórico.
* Mantenha o foco quando estiver comendo. Não coma em frente à TV ou computador, pois distraídos com outra coisa, acabamos comendo demais, sem se dar conta.
* Mantenha-se ativo e seja disciplinado com os horários da atividade física, mesmo no fim de semana.
* Procure manter uma rotina saudável, com hora marcada para comer, exercícios e dormir.
* Se você tiver problemas para dormir, busque uma atividade até que o sono chegue, como ler por exemplo. Evite a tentação de abrir a geladeira na calada da noite.
* Exercite-se regularmente, pois isso ajuda a acelerar o metabolismo e a queimar gordura, mesmo quando estamos dormindo.
* Evite cafeína e álcool perto da hora de deitar-se. Cigarro, então nem se fale… abandone de vez.

Com essas dicas, você conseguirá driblar um pouco a fome noturna e assim evitar excessos de calorias que podem comprometer seu emagrecimento.


Faça sua Avaliação

Redes Sociais

Faça seu Comentário