Emagrecer,Saúde

Esclarecendo dúvidas sobre efeitos colaterais do chá de Sene

Esclarecendo dúvidas sobre efeitos colaterais do chá de Sene

O chá de Sene é amplamente utilizado como laxante. Alguns o usam sob prescrição médica; mas, a maioria recorre a esse recurso para emagrecer e relatam experiências satisfatórias quando tomam o chá de Sene de maneira correta.

Existem dois tipos de Sene. A Cássia senna é nativa do Egito e Sudão, enquanto a Cássia angustifolia é nativa da Somália e Arábia. Porém, o efeito terapêutico é o mesmo: as duas plantas possuem um grande poder laxativo porque contém substâncias que agem diretamente na mucosa do intestino provocando fortes contrações.

Mas, quais pessoas não devem usar o Sene?

Mesmo sendo produto natural, o Sene é contra-indicado em crianças menores de 12 anos, portadores de obstrução intestinal, diarréia, dor abdominal de origem desconhecida, desidratação. Há casos em que o uso do Sene é expressamente proibido: doenças inflamatórias intestinais agudas, doença de Crohn e síndrome do cólon irritável. Além disso, esse chá não é aconselhável para gestantes no primeiro trimestre.  Apesar de não está cientificamente comprovado,  o Sene em excesso pode provocar aborto.

O uso do chá laxante deve ser emergencial e não diariamente porque pode provocar constipação e outros efeitos indesejáveis. Para combater a constipação e o excesso de gases (flatulência) é o ideal é o reequilíbrio na alimentação, o aumento do uso de fibras e de líquido no dia a dia.

O uso do Sene em excesso pode “viciar” o intestino e prejudicar sua movimentação natural, levando à necessidade de quantidade cada vez maior de medicamento até que o mesmo não mais faz efeito e, com isso, pode aparecer a constipação (intestino preso).

Vale lembrar que um desconforto abdominal suave, como cólicas, é normal com o uso do Sene. Mas, o uso crônico de qualquer laxante pode provocar o desenvolvimento de uma “síndrome de dependência laxante” caracterizada pelo mal funcionamento ou perda da movimentação do intestino (os movimentos peristálticos) na ausência de doses repetidas do laxante.

Em situações graves, também pode provocar a desidratação, já que a diarréia faz perder líquidos. Pessoas viciadas em laxantes podem desenvolver a caquexia (emagrecimento em excesso).

 Como usar o Sene corretamente?

Primeiramente, o Sene é apenas um auxílio para quem precisa desintoxicar o organismo e perder peso com mais facilidade. Ou seja, deve ser usado moderadamente e, no máximo  por duas ou três vezes na semana. Pode ser usado a noite em doses moderadas (meio copo de chá antes de dormir).

Não se deve tomar chá de Sene por mais de  8 dias seguidos. Além disso, o ideal é aumentar a ingestão de fibras e líquidos para manter o organismo hidratado. Sob orientação profissional, a prática de exercícios físicos, caminhadas e atividades aeróbicas também são fundamentais para emagrecer com saúde e manter o resultado por mais tempo.

Tags: